Image1
 

Patrocinadores

- Publicidade -

Contator de Visitas

9022834
Hoje
Ontem
Esta Semana
Ultima Semana
Esse Mês
Mês Passado
Todos os dias
6612
9691
50209
8902824
58531
266748
9022834
Seu IP: 35.172.233.2
Radio e TV Auxiliadora
 

Principal


Paz.
Este pedido de oração veio da Croácia para mim.
Que Nossa Senhora nos abençoe!
DP Luiz Carlos
 
08 de Novembro de 2013•14h44
Croácia fará referendo para proibir casamento gay em dezembro
Os croatas decidirão com um referendo, previsto para ser realizado no próximo dia 1º de dezembro, uma reforma constitucional para que o casamento fique definido como a união de um homem e uma mulher, o que fecharia as portas para união entre pessoas do mesmo sexo.
"Está o senhor a favor que na Constituição se introduza a definição do casamento como união entre homem e mulher", essa é a pergunta da consulta, lançada a partir da iniciativa de uma associação católica que conseguiu reunir 740 mil assinaturas para solicitar essa mudança legal, que foi anunciada nesta sexta-feira.


“o Estado utiliza-se das reivindicações de autonomia dos indivíduos como de uma isca para prendê-los na armadilha da pior das tiranias. ‘Libertando’ os homens de seus vínculos com a família, a paróquia, o bairro, protegendo-os sob a imensa rede de serviços públicos que os livra da necessidade de recorrer à ajuda de parentes e amigos, oferecendo-lhes o engodo de uma garantia jurídica contra os preconceitos, antipatias, sentimentos e até olhares de seus semelhantes; uma garantia jurídica contra a vida, em suma —, o Estado na verdade os divide, isola e enfraquece, cultivando as suscetibilidades neuróticas que os infantilizam, tornando- lhes impossível, de um lado, criar ligações verdadeiras uns com os outros, e, de outro lado, sobreviver sem o amparo estatal e muita ajuda profissional”